Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro

Breadcrumbs

Início do conteúdo da página
2009

Porto Alegre recebe primeiro seminário sobre agricultura familiar e alimentação escolar

  • Escrito por  Assessoria de Comunicação Social do FNDE
  • Segunda, 19 Outubro 2009 01:00

ASCOM-FNDE (Brasília) - Cerca de 250 produtores agrícolas e gestores municipais de educação gaúchos participam hoje e amanhã, em Porto Alegre, do seminário metropolitano sobre aquisição de gêneros alimentícios da agricultura familiar para a alimentação escolar, primeiro de uma série de encontros que o Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) vai realizar nos 19 maiores conglomerados urbanos do país. A iniciativa pretende viabilizar a venda direta de gêneros alimentícios para a merenda nas escolas públicas, conforme exige a Lei no 11.947/2009.

Na abertura, falaram integrantes do FNDE, Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) e dos ministérios do Desenvolvimento Agrário (MDA) e Pesca e Aquicultura (MPA), que integram o grupo técnico interministerial encarregado de aproximar agricultores familiares e secretarias estaduais de educação. Segundo o representante do MDA, Luiz Humberto Silva, a nova lei, regulamentada pela Resolução no 38 do FNDE, abre uma possibilidade concreta de escoamento da produção dos agricultores familiares para o mercado institucional. “Nosso objetivo é mostrar tanto ao gestor quanto ao agricultor como comprar e vender produtos para a alimentação escolar”, afirmou. Para ele, é preciso construir as relações necessárias para que, de fato, “a lei seja cumprida”.

A técnica do MPA, Miriam Bozzetto, defendeu a inclusão do pescado nos cardápios escolares. “Além da geração de renda, essa medida vai criar nas crianças o hábito saudável de comer peixe, alimento ainda pouco consumido pelos brasileiros”. Já Carlos Farias, da Conab, ressaltou a experiência consolidada do órgão na execução do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA). “A participação de movimentos sociais é fundamental para o êxito dessa política inovadora”, disse Farias.

Elo – Representando 33 empresas associadas e 1.500 famílias, Jorge Mariani, da Cooperativa das Agroindústrias e Artesanatos dos Trabalhadores Rurais do Rio Grande do Sul (Cooperagroart), está confiante no novo cenário e já conta com uma rede de articulação que envolve desde a oferta de matéria-prima até a logística de distribuição da produção. “Faltava esse elo para entrarmos no mercado da educação”, comemorou Mariani, que tem na Ceasa seu principal ponto de comercialização.

À frente da cooperativa de produção camponesa, Lecian Conrad destacou o aspecto social do estreitamento das relações entre a educação e a agricultura. “A oferta de alimentos para as escolas não tem apenas o valor econômico, mas traz também uma forte autoestima para o pequeno produtor rural”. Em 2009, o grupo fez vendas regulares para 23 municípios gaúchos no âmbito do PAA. "Agora, estamos nos articulando para vender às escolas com base na nova lei". À tarde, as associações e cooperativas presentes cadastraram suas ofertas de produção e experiências de venda para que fiquem à disposição dos gestores locais de educação.

Demanda - Composta por 31 municípios, a região metropolitana de Porto Alegre abriga duas mil escolas e 417 mil alunos, constituindo importante demanda para os agricultores familiares. Até o início do próximo ano letivo, serão realizados seminários em outras 18 localidades. No sul, os encontros ocorrerão em Florianópolis e Curitiba; no sudeste, em Belo Horizonte, São Paulo, Campinas e Rio de Janeiro; no centro-oeste, em Goiânia, Campo Grande e Brasília; no nordeste, em São Luís, Teresina, Fortaleza, Natal, Recife e Salvador; e no norte, em Belém, Rio Branco e Manaus.

Serviço
Seminário metropolitano sobre aquisição de gêneros alimentícios da agricultura familiar para a alimentação escolar
Local: Hotel Ritter (Largo Vespasiano Júlio Veppo, nº 55, Porto Alegre)
Período: 19 e 20 de outubro

Coordenadora de monitoramento do FNDE, Alaíde do Nascimento apresenta objetivos do seminário.
Coordenadora de monitoramento do FNDE, Alaíde do Nascimento apresenta objetivos do seminário.     

 	Evento promove esforço conjunto para incluir agricultura familiar na alimentação escolar.
Evento promove esforço conjunto para incluir agricultura familiar na alimentação escolar.

Foram convidados gestores educacionais e agricultores de 31 municípios gaúchos.
Foram convidados gestores educacionais e agricultores de 31 municípios gaúchos.     

Assessoria de Comunicação Social do FNDE

Fim do conteúdo da página