Ir direto para menu de acessibilidade.
Portal do Governo Brasileiro

Breadcrumbs

Início do conteúdo da página
bienal do livro

Na Bienal do Livro, FNDE debate uso de tiras em quadrinhos no ensino

  • Escrito por  Assessoria de Comunicação Social do FNDE
  • Sexta, 08 Setembro 2017 18:14
Na Bienal do Livro, FNDE debate uso de tiras em quadrinhos no ensino

Professor Paulo Ramos destacou o valor pedagógico das histórias em quadrinhos durante palestra para professores, pais e estudantes.

"É possível usar tiras e histórias em quadrinhos para quase tudo no ensino. Basta apenas querer utilizá-las e ter clareza dos objetivos a alcançar". É o que defende o jornalista e professor Paulo Ramos, que esteve  no estande do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação  (FNDE), na Bienal do Livro Rio, na tarde desta sexta-feira, 8.

O autor, especialista no universo dos quadrinhos, lançou recentemente o livro Tiras no Ensino, que traz um olhar particularizado sobre as tiras, apresentando sugestões de práticas para a sala de aula ou discussões que tem como propostas auxiliar os professores na didática. "Tenho dois objetivos com este trabalho: explicar as tiras para o leitor leigo e tentar articular essas produções com a realidade do ensino", explicou o professor, que atualmente leciona da Universidade Federal de São Paulo.

Para Denise Ramos, professora do Ciep 166 - Abílio Augusto Távora de Nova Iguaçu, a palestra ampliou seus horizontes. "Foi ótimo pra mim estar aqui hoje. As informações que recebi agregam muito à tudo que passo em sala de aula. Lido com crianças do 6° ano ao ensino e médio e descobrir que posso trabalhar com eles por meio de quadrinhos e até mesmo memes é um aprendizado muito rico, pois é uma maneira de me aproximar da realidade deles", contou a professora.

A garotada que passou pelo estande do FNDE nesta sexta também pôde participar de outras programações. Desde o início da manhã, projetos desenvolvidos na Escola Estadual Professor Josino Macedo, em Natal/RN, e nas escolas estaduais de Goiânia/GO foram apresentados às crianças do Rio de Janeiro de maneira divertida e lúdica pelas professoras Dorinha Timóteo e Glorinha Fulustreka. Também teve muita música, histórias cantadas e brincadeiras de roda sob o comando de Willian Reis e Maristella Papa, da associação amigos das histórias, de Brasília.

Neste sábado e domingo, o estande do FNDE segue com programações para todos os públicos. Clique aqui para saber os horários.

Assessoria de Comunicação Social

Fim do conteúdo da página