Informáções Técnicas: Para o funcionamento de todas as funções desse portal, é necessária a utilização de JavaScript.
Sexta, 27 Junho 2014 14:40

“Uma base para toda a vida”

Escrito por  Assessoria de Comunicação Social do FNDE
“Uma base para toda a vida” Eduardo Aigner

A pequena Stefani não tinha onde ficar. Os pais, Marcelo Back e Carla Barros, trabalham o dia todo na vidraçaria Vidrex. O jeito era deixar a menina cada dia num lugar. “Ela ficava um dia aqui, outro ali, um dia na casa da avó, outro com a madrinha e, quando não tinha outro jeito, eu faltava o trabalho para ficar com ela”, conta Carla.

Por isso, quando apareceu a Escola Beija Flor Zuleika Mariza Kunz, em março de 2014, a vida deles e de Stefani mudou completamente. A escola, construída com recursos do programa Proinfância, atende a 177 crianças de pré-escola e creche no bairro São José, em Novo Hamburgo, região metropolitana de Porto Alegre (RS). É uma das mais de 7 mil unidades apoiadas em todo o país.

“Mais que ótimo não posso falar”, diz Franciele Carvalho Gross, mãe de Raphael, de 1 ano. “Antes da inauguração da escola, o Raphael ficava numa situação improvisada, com a minha mãe, que já tem 70 anos, ou com a minha sogra”, lembra.

“Se não fosse a escola, eu teria que procurar uma cuidadora, que cobra no mínimo 200 reais por criança, mais a alimentação”, imagina Franciele.

Com o menino na escola, onde há sala de aula, biblioteca, sanitários, fraldários, pátio coberto, solário, parque e refeitório, Franciele e o marido, Márcio, ficam mais tranquilos para trabalhar. Ela é professora da rede pública e dá aulas em uma escola no mesmo bairro. Márcio trabalha numa fábrica de calçados, como auxiliar de almoxarifado. Raphael chega cedinho, perto das 7h, e fica até as 17h. Recebe três refeições, faz atividades, dorme, toma banho.

“A comida é balanceada e os pais têm acesso ao cardápio, preparado por nutricionistas. Os bebês têm refeições diferenciadas”, informa a diretora da escola, Silvana Vargas Schaeffer.

“Nós ficamos muito mais seguros sabendo que o Raphael está num ambiente assim, importante para o desenvolvimento dele, em contato com crianças da mesma faixa etária, com alimentação toda balanceada, com atividades pedagógicas, vivendo experiências importantes. Estamos construindo uma base importante para toda a vida dele”, comemora Franciele.

Confira outra história no link abaixo.

 

Avalie este item
(1 Votar)

Enviar notícia por e-mail

Fechar

Para enviar esta notícia basta preencher o formulário abaixo e clicar em "Enviar".

Os campos marcados com um asterisco são obrigatórios.

Fechar [x]