Ir direto para menu de acessibilidade.

Breadcrumbs

Início do conteúdo da página
2005

2º Encontro Nacional do Pnae reúne 500 pessoas em Brasília

  • Escrito por  Assessoria de Comunicação Social do FNDE com informações do Ministério da Educação
  • Quarta, 09 Novembro 2005 01:00

ASCOM-FNDE (Brasília) - Começou na manhã desta quarta-feira, 9, na Academia de Tênis Resort, em Brasília, o 2º Encontro Nacional de Experiências Inovadoras em Alimentação Escolar. O objetivo do evento é promover a troca de informações, fazer um balanço e traçar novas diretrizes para o Programa Nacional de Alimentação Escolar (Pnae), sob gestão do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE/MEC). Cerca de 500 pessoas, entre gestores, professores, nutricionistas e merendeiras, de todas as regiões do País, participaram da solenidade de abertura, com a presença do ministro Fernando Haddad, da Educação.

Mais conhecido como merenda escolar, o Pnae é o maior projeto de alimentação escolar do mundo. Seu orçamento para 2005 é de R$ 1,265 bilhão para o atendimento de 36,4 milhões de alunos da educação fundamental, infantil (pré-escola), creches, comunidades indígenas e quilombolas e entidades filantrópicas.

Programação
- Participaram da abertura do evento, além do ministro Fernando Haddad, os presidentes do Conselho Nacional de Segurança Alimentar (Consea), Francisco Menezes, e do FNDE, José Henrique Paim Fernandes, o diretor do Programa Mundial de Alimentos (PMA), José Antonio Castillo, o representante da Organização das Nações Unidas para a Agricultura e a Alimentação (FAO/ONU), José Tubino, o diretor de Ações Educacionais do FNDE, Daniel Balaban, e a coordenadora geral do Pnae, Albaneide Peixinho.

Antes da solenidade, Balaban apresentou um histórico e as perspectivas do Pnae, que completa 50 anos em 2005. Depois da abertura, o representante do PMA, José Antonio Castillo, fez uma exposição sobre as ações do programa relacionadas à alimentação escolar.

Para o período da tarde, estão programadas palestras do presidente do Consea, sobre Políticas de Segurança Alimentar e Nutricional (SAN), e do representante da Organização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura (FAO/ONU) no Brasil, José Tubino, sobre as ações da organização na área da alimentação escolar.

Experiências inovadoras - Em seguida, serão apresentados dois projetos de alimentação escolar considerados exemplares pelo FNDE: Alimentação escolar: Araxá construindo o futuro todos os dias, de Araxá (MG) e Merenda regionalizada: um incentivo para o desenvolvimento local, de Concórdia (SC).

Outros quatro projetos - Alimentação escolar na perspectiva na educação em tempo integral, de Apuracana (PR); Controle social, de Florianópolis (SC); Gestão de Qualidade e Eficiência, de Porto Alegre (RS); e Projeto Estudar Sem Fome, de Goiânia (GO) - serão expostos ao longo do seminário. Entre uma e outra atividade, haverá painéis e pôsteres sobre outras seis experiências na área da alimentação escolar desenvolvidas no País também inovadoras e bem-sucedidas.

Esses projetos serão premiados num evento paralelo ao 2º Encontro Nacional da Alimentação Escolar, que está sendo organizado pela organização não-governamental Ação Fome Zero. A entrega do prêmio Gestor Eficiente ocorrerá no Memorial JK, às 19h de hoje, na presença do presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva.

Amanhã, dia 10, às 10h45, o ministro de Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Patrus Ananias, fará palestra sobre as estratégias do Programa Fome Zero. Em seguida, às 11h30, o presidente do Consea, Francisco Menezes, falará sobre as políticas de segurança alimentar e nutrição.


Assessoria de Comunicação Social do FNDE

Fim do conteúdo da página