Ir direto para menu de acessibilidade.

Breadcrumbs

Início do conteúdo da página
2006

Marcha Contra a Fome será dia 21 de maio

  • Escrito por  Assessoria de Comunicação Social do FNDE
  • Segunda, 08 Mai 2006 00:00

O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE/MEC), por intermédio do Programa Nacional de Alimentação Escolar, é um dos parceiros da Marcha Contra a Fome, promovida pelo Programa Mundial de Alimentos (PMA) da Organização das Nações Unidas (ONU). Este ano, a marcha brasileira vai se concentrar nas cidades de Guarulhos (SP) e Salvador (BA). Além disso, haverá atividades educacionais em todo o país, alertando a sociedade para as conseqüências da desnutrição infantil.

O movimento Mundo em Marcha Contra a Fome objetiva arrecadar fundos para a luta contra a fome infantil e chamar atenção da mídia, da sociedade e dos governos para a causa. Neste ano, o jogador de futebol Ronaldinho Gaúcho será um dos símbolos do movimento.

Esta é a segunda edição da marcha. Em 2005, mais de mil brasileiros participaram do evento em São Paulo, e cerca de 200 mil pessoas, em mais de 90 países.

PMA - O projeto educacional do Programa Mundial de Alimentos tem por objetivo fornecer assistência a crianças em idade escolar, melhorar o aprendizado e diminuir a evasão das salas de aula. Segundo estudos do PMA, programas de alimentos para a educação não beneficiam apenas crianças, mas produzem resultados positivos em toda a sociedade. Pesquisas demonstram que a nutrição e a educação são o investimento que tem mais eficácia para o crescimento do país.

Qualquer pessoa pode ajudar o programa, fazendo uma doação. Para isso, basta acessar o site www.wfp.org/portuguese e clicar em "Doações em linha".

O Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) é reconhecido internacionalmente como o de maior alcance na distribuição de alimentos em escolas. Atualmente, o programa atende 37 milhões de crianças matriculadas em escolas públicas de ensino fundamental, pré-escola e creche. O orçamento do programa para 2006 é de R$ 1,5 bilhão.

Mais informações sobre a marcha no endereço www.fighthunger.org/local/brazil.

Fim do conteúdo da página