Imprimir esta página
Dinheiro Direto na Escola

Consulta pública do FNDE recebe contribuições para aprimorar o Programa Dinheiro Direto na Escola

  • Escrito por  Assessoria de Comunicação Social do FNDE
  • Segunda, 01 Fevereiro 2021 13:42
Consulta pública do FNDE recebe contribuições para aprimorar o Programa Dinheiro Direto na Escola

Pesquisa ocorrerá entre os dias 8 a 26 de fevereiro

O Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) convida técnicos e gestores educacionais a participarem da Consulta Pública nº 01/2021, referente à resolução que dispõe sobre orientações para o apoio técnico e financeiro, fiscalização e monitoramento na execução do Programa Dinheiro Direto na Escola (PDDE), em cumprimento ao disposto na Lei 11.947, de 16 de junho de 2009. O objetivo é receber críticas e sugestões para aprimorar as ações do PDDE e atender melhor estudantes e professores da educação básica pública de municípios, estados e Distrito Federal.

“É importante a participação de todos da área da educação. Com a pesquisa nos inteiramos e conseguimos encontrar a melhor maneira de agir e qualificar as ações do Programa Dinheiro Direto na Escola, tornando-o cada vez mais adequado à realidade das escolas públicas brasileiras”, destaca o coordenador-geral de Apoio à Manutenção Escolar do FNDE, Djailson Dantas.

O aviso da Consulta foi publicado no Diário Oficial da União, no dia 29 de janeiro, o qual informa que a pesquisa será iniciada no dia 8 de fevereiro. Os interessados podem enviar suas contribuições até o dia 26, através do link: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSc-he466dCZUe67_xIrjCq590TKMGK697jIqklUzaMad2OwZw/viewform

Em caso de dúvida ou dificuldade no preenchimento, envie mensagem para o endereço eletrônico: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo..

PDDE - Criado em 1995, o Programa Dinheiro Direto na Escola (PDDE) tem por finalidade prestar assistência financeira para as escolas, em caráter suplementar, a fim de contribuir para manutenção e melhoria da infraestrutura física e pedagógica, com consequente elevação do desempenho escolar. Também visa fortalecer a participação social e a autogestão escolar.