Imprimir esta página
2014

Editores podem inscrever livros didáticos para 2016 a partir de abril

  • Escrito por  Assessoria de Comunicação Social do FNDE com informações do Ministério da Educação
  • Sexta, 28 Fevereiro 2014 16:26
Editores podem inscrever livros didáticos para 2016 a partir de abril

Editores interessados em participar do Programa Nacional do Livro Didático em 2016 (PNLD 2016) devem ficar atentos aos prazos divulgados hoje, no Diário Oficial da União (DOU), pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE). O período de pré-inscrição das obras didáticas para os anos iniciais do ensino fundamental vai de 16 de abril a 16 de julho de 2014.

Para o PNLD 2016, os interessados poderão apresentar coleções em dois tipos de composição. O Tipo 1 engloba livros do aluno e manual do professor impressos, além do livro do aluno em PDF e do manual do professor digital, com conteúdo correspondente ao impresso, mas integrado a objetos educacionais digitais – jogos, vídeos, infográficos, simuladores, animações – clicáveis na própria página, para uso individual do professor e coletivamente com os alunos. Já a composição do Tipo 2 terá livros e manuais impressos e versões em PDF.

Serão selecionados livros e coleções didáticas do 1º ao 5º ano do ensino fundamental nos componentes curriculares de Letramento e Alfabetização, Alfabetização Matemática, Língua Portuguesa, Matemática, História, Geografia, Ciências e Arte. As obras inscritas serão avaliadas, e as aprovadas integrarão o Guia do Livro Didático 2016, que conterá um resumo dos livros selecionados para que professores e diretores possam escolher os mais adequados ao processo pedagógico de cada escola.

Serviço – Paraefetuar o cadastramento das obras, os detentores de direitos autorais devem acessar o Sistema de Material Didático (Simad) do FNDE, disponível no portal eletrônico da autarquia (www.fnde.gov.br).

Veja o edital do PNLD 2016.