Ir direto para menu de acessibilidade.

Breadcrumbs

Início do conteúdo da página
Alimentação escolar

Programa Nacional de Alimentação Escolar comemora 64 anos

  • Escrito por  Assessoria de Comunicação Social do FNDE
  • Quarta, 03 Abril 2019 15:32
Programa Nacional de Alimentação Escolar comemora 64 anos

PNAE beneficia diariamente 42 milhões de estudantes de escolas públicas brasileiras

Colecionando uma série de conquistas, incluindo o título de referência mundial na área de alimentação escolar e de política pública educacional convergente com a promoção da saúde, o Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE) completou 64 anos no último dia 31 de março. Gerenciado pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE), o programa beneficia diariamente 42 milhões de estudantes nas escolas públicas brasileiras e tem uma história de luta pela garantia do direito à alimentação adequada e pela segurança alimentar e nutricional no ambiente escolar.

O PNAE atua em várias frentes: contribui para o crescimento e o desenvolvimento dos estudantes; colabora para a formação de bons hábitos alimentares, com o fornecimento de alimentos saudáveis e adequados e a implementação de ações de educação alimentar e nutricional; incentiva a economia local, por meio da aquisição de gêneros alimentícios provenientes de agricultores familiares; estimula o consumo de alimentos in natura, como frutas, verduras e hortaliças; e ainda fomenta a cultura alimentar local, por meio da oferta de alimentos e preparações regionais.

Atualmente, são mais de 8 mil nutricionistas trabalhando no PNAE e aproximadamente 73 mil conselheiros de alimentação escolar acompanhando a execução do programa, em mais de 150 mil escolas. E o orçamento anual ultrapassa a casa de R$ 4 bilhões.

“Todos esses aspectos tornaram o Brasil uma referência internacional positiva na área de alimentação escolar e de política pública educacional convergente com a promoção da saúde. Países da América Latina, Caribe e África são os principais beneficiados com a cooperação técnica para compartilhamento de experiências exitosas”, afirma a coordenadora-geral do PNAE, Karine Silva dos Santos.

“Neste momento comemorativo, parabenizamos governadores, prefeitos, secretários de Educação, nutricionistas, merendeiras, conselheiros da alimentação escolar e demais profissionais da educação, que, ao longo desses anos, estiveram e estão envolvidos com a execução do PNAE, comprometidos com a qualidade da educação brasileira, buscando a excelência na gestão educacional e na garantia de uma alimentação adequada e saudável aos estudantes brasileiros”, destaca a coordenadora.

Fim do conteúdo da página