Imprimir esta página

Remanejamento de livros entre escolas

Mesmo com a conservação e a devolução dos livros, devido à movimentação dos alunos dentro e entre redes de ensino, pode ocorrer sobra ou falta de exemplares em algumas escolas. Portanto, é necessário realizar o remanejamento de livros.

O remanejamento consiste na obrigação de as escolas e redes beneficiadas informarem a existência de materiais excedentes, ou que não estejam sendo utilizados, disponibilizando-os para as entidades onde ocorra falta de material.

A ferramenta de Remanejamento no PDDE Interativo/SIMEC possibilita que as escolas com livros ociosos ofertem esses materiais às unidades escolares com falta de livros permitindo o registro da efetiva gestão dos materiais sob responsabilidade da escola e o devido aproveitamento desse valioso recurso didático.

O sistema de remanejamento no PDDE Interativo/SIMEC fica permanentemente aberto e disponível para as escolas realizarem as trocas dos livros didáticos durante todo o período letivo. As Secretarias de Educação devem incentivar as escolas a registrarem no sistema livros que não estejam sendo utilizados, sendo essa ação responsabilidade de todas as escolas que tenham materiais ociosos, conforme determina a legislação do PNLD. Pode ser que um aluno de uma escola próxima esteja precisando desse material.

O remanejamento é sempre a alternativa mais célere para solucionar a falta de livros nas escolas! Ele se configura como um dos fatores fundamentais para que alcancemos o atendimento de todos os estudantes e a necessária otimização dos recursos públicos e resguarda a escola que tenha materiais não utilizados no caso de fiscalizações.