Imprimir esta página

Remanejamento de livros entre escolas

Lembramos que a partir de 2019 a solicitação de reserva técnica estará vinculada aos pedidos de livros registrados na ferramenta de remanejamento do sistema PDDE Interativo/SIMEC. Assim, as escolas devem demandar livros no remanejamento até o dia 30/03/2019 para posteriormente participar da reserva técnica.

Mesmo com a conservação e a devolução dos livros, devido à movimentação dos alunos dentro e entre redes de ensino, pode ocorrer sobra ou falta de exemplares em algumas escolas. Portanto, é necessário realizar o remanejamento de livros.

O remanejamento consiste na obrigação de as escolas e redes beneficiadas informarem a existência de materiais excedentes, ou que não estejam sendo utilizados, disponibilizando-os para as entidades onde ocorra falta de material.

O FNDE desenvolveu a ferramenta de remanejamento, via sistema PDDE interativo/SIMEC, com intuito de facilitar as trocas dos livros didáticos entre as escolas participantes do PNLD. Dessa forma, a unidade de ensino que possui obras em excesso deverá ofertá-las no sistema para que as escolas que tenham falta de livros possam demandá-los. A ferramenta do remanejamento, no PDDE interativo, fica permanentemente aberta e disponível para as escolas realizarem as trocas dos livros didáticos durante todo o período letivo.

O remanejamento de livros entre escolas acontece por iniciativa das escolas ou secretarias de educação. Assim, são as próprias escolas e secretarias de educação envolvidas na troca que devem providenciar o transporte dos livros.